terça-feira, 20 de outubro de 2009

O HOMEM QUE AMAVA CAIXAS



Era uma vez um homem...
O homem tinha um filho...
O filho amava o homem.....e o homem amava caixasCaixas grandes, caixas pequenas, caixas médias, caixas altas, caixas redondas, todos os tipos de caixas!




O homem tinha dificuldade em dizer ao filho que o amava; então, com suas caixas ele começou a construir coisas para seu filho. Ele era perito em fazer castelos. E seus aviões de caixas sempre voavam...a não ser claro, que chovesse. As caixas apareciam de repente, quando os amigos chegavam, e, nessas caixas, eles brincavam...e brincavam...e brincavam.


A maioria das pessoas achava que o homem era estranho. Os velhos apontavam para ele. Seus vizinhos riam dele pelas costas. Mas nada disso preocupava o homem,Porque ele sabia que tinham encontrado uma maneira especial de compartilharem...O amor de um pelo outro.

Extraído do livro: "O homem que Amava Caixas" de Stephen Michael King

2 comentários:

  1. Maravilha o seu cantinho.
    Na intenção de divulgar o meu trabalho, cheguei até você.
    Gostei muito do seu espaço. Eu não estou podendo ler tudo de uma vez porque a tela do computador atrapalha um pouco a minha visão, mas certamente voltarei mais vezes. O meu oftamologista pediu que desse um tempo da telinha... e eu sou fraca ?
    O meu território já está demarcado.
    Convido a dar uma espiada em "FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER.." ( o seu cantinho de leitura), em:
    http://www.silnunesprof.blogspot.com
    Terei sempre uma história para contar.
    Saudações Florestais !

    ResponderExcluir
  2. Adorei a ideia de anexar o livro base do projeto Emoções, deu vida à proposta de trabalho.

    ResponderExcluir